24 de fev de 2014

Este é o Galaxy S5: leitor de impressões digitais, filmagem em 4K, novo design e hardware mais potente

samsung-galaxy-s5-abre
Longe do local onde está sendo realizada a Mobile World Congress, mas ainda em Barcelona, a Samsung apresentou seu novo smartphone topo de linha com Android. O Galaxy S5 tem hardware mais poderoso, novo design e um leitor de impressões digitais no botão de início. O corpo continua sendo de plástico e se parece muito com o do Galaxy S4, mas há alterações nos botões e principalmente na traseira, que perdeu o acabamento liso e brilhante.
O hardware está ainda mais potente: a ficha de especificações técnicas aponta um processador quad-core de 2,5 GHz, 2 GB de RAM, 16 GB ou 32 GB de armazenamento interno (com entrada para microSD de até 64 GB) e bateria de 2.800 mAh. A tela aumentou de 5 polegadas para 5,1 polegadas, mas o Galaxy S5 ainda traz um painel Super AMOLED com resolução de 1920×1080 pixels.


A resolução da câmera traseira aumentou para 16 MP e há suporte para filmagem em 4K a 30 quadros por segundo. De acordo com a Samsung, o Galaxy S5 consegue focar automaticamente em um objeto em apenas 0,3 segundo. Há alguns truques de software: a interface do aplicativo da câmera foi aprimorada e agora existe uma função chamada Foco Seletivo, que permite ao usuário focar em um objeto e borrar todo o resto da cena, sem necessidade de saber o que é profundidade de campo ou comprar lentes adicionais.
O design foi pouco alterado em relação ao Galaxy S4, mas dá para perceber algumas mudanças. A principal são as cores: o Galaxy S5 terá versões branca, azul, preta e dourada. Além disso, o corpo precisou ser adaptado para ganhar a certificação IP67, que garante proteção contra água e poeira. Lá nos botões, um pequeno detalhe: sai o velho botão de menu, entra o botão para alternar entre aplicativos. Até que enfim!
Nova cor para o Galaxy S5: azul
Um dourado quase marrom
O branco continua sendo uma das opções
Se não gostou de nenhum, ainda resta o preto
Tem uma proteção contra água e poeira na porta Micro USB 3.0
A Samsung também incluiu um leitor de impressões digitais no botão de início, a exemplo do que fez a Apple no iPhone 5s. No entanto, o modo de uso é diferente: enquanto no iPhone 5s basta repousar o dedo sobre o botão, no Galaxy S5 é necessário deslizar o dedo. Além de servir para desbloquear a tela, o sensor também poderá ser usado para autorizar pagamentos. É possível registrar até oito impressões digitais.
Dessa vez, a Samsung não focou tanto em desenvolver novos recursos de software. O Galaxy S5 roda o Android 4.4.2 com o visual de sempre da TouchWiz e traz alguns aplicativos extras da Samsung, como o S Health, que ganhou uma versão atualizada para suportar o novo sensor de batimentos cardíacos do aparelho. Para descobrir a quantas anda seu coração, basta posicionar o dedo no sensor localizado logo abaixo da câmera traseira.
Outras novidades de software incluem:
  • Ultra Power Saving Mode: desativa todos os recursos desnecessários e deixa a tela com imagem em preto e branco para economizar bateria;
  • Download Booster: combina conexões 4G e Wi-Fi para aumentar a velocidade de downloads;
  • Private Mode: neste modo, suas informações pessoais não estarão acessíveis, o que pode ser útil na hora de emprestar o celular para alguém;
  • Kids Mode: desativa funções e aplicativos para tornar o uso por crianças mais seguro.
O Galaxy S5 chega às lojas a partir de 11 de abril. O preço ainda não foi divulgado. Normalmente, o Brasil costuma estar na lista dos primeiros países a receber os topos de linha da Samsung. Nossas primeiras impressões serão publicadas em breve.